Como abrir conta poupança para o filho menor de idade?

É possível abrir uma conta poupança com qualquer idade, pouca gente sabe, mas é possível inclusive abrir para uma recém-nascido, dessa forma você forma um patrimônio para a criança ao longo dos anos, esse dinheiro pode ser utilizado para o pagamento da faculdade, compra de um carro ou a realização de outro sonho de seu filho. A abertura de conta para quem tem entre 0 e 16 anos deve ser feita pelos pais ou responsável legal, é ele que movimentará a conta até que a criança complete a maioridade.


Caso esteja pensando em criar uma poupança para seu filho, parabéns pela iniciativa, no Brasil são pouquíssimos os pais que tem essa iniciativa, não é necessário poupar um valor exorbitante por mês, com pouquinho por mês você já consegue garantir uma boa quantia para seu bebê no longo prazo.

É importante salientar que o rendimento da poupança não é muito atrativo. Ainda mais agora que a poupança está perdendo até para a inflação, contudo, trata-se de um investimento simplificado e um dos únicos que podem ser realizados no nome de uma criança. No começo tentei fazer essa poupança no Tesouro Direto, pois o rendimento é maior, mas, fiquei sabendo que não é permitido aplicação em nome de menores de dezoito anos, então, a saída foi usar a tradicional poupança.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

Do responsável – Do responsável são solicitados os seguintes documentos: comprovante de endereço (pode ser qualquer conta de água, luz, telefone, etc, preferencialmente no seu nome ou de algum parente próximo); Identidade, pode ser o RG, Passaporte, Carteira de Trabalho, carteira profissional ou qualquer outro documento de identificação; CPF.

Da criança – São pouquíssimos os documentos solicitados, mas, o mais chato é o CPF (Cadastro de Pessoa Física), pois o Banco Central (BC) exige que os menores tenham o documento para poder ser titular de uma conta poupança. Tirar o CPF para a criança é fácil, basta que o responsável vá aos Correios, Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil e pague uma pequena taxa. Para a abertura da poupança será solicitado apenas o CPF e a Certidão de Nascimento, mas, algumas agências também estão pedindo o RG do bebê.

ConclusãoDo responsável legal é preciso apresentar apenas o RG, CPF e comprovante de endereço. Caso o representante legal não seja um dos pais é necessário apresentar também o documento que comprova a guarda e/ou tutela da criança. Da criança é necessário apenas o CPF e a Certidão de Nascimento, mas, algumas agências podem pedir o RG da criança (felizmente a maioria não pede).

Você pode procurar qualquer instituição financeira de sua preferência, contudo, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil são as instituições que mais estão acostumadas a abrir esse tipo de conta. Os bancos privados, normalmente, estimulam o cliente a abrir uma conta corrente, pois essa última tem tarifa, ao contrário da poupança que é 100% gratuita.

0 comentários:
Postar um comentário