Como consultar Nota Fiscal Eletrônica pela chave da NF-e

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) foi implementada no Brasil com dois objetivos, o primeiro é o de combater a sonegação de impostos e o segundo é modernizar o processo de emissão, pois, antigamente, muitos estabelecimentos preenchiam o documento de forma manual, o que tornava o envio dos dados para a Secretária da Fazenda mais demorado. No artigo de hoje falaremos sobre a consulta de uma nota fiscal eletrônica, seja ela: completa ou resumida, por meio da internet, para isso você precisará da chave de acesso que, provavelmente, você deve ter recebido do emissor.

A consulta da nota fiscal resumida ou detalhada pode ser feita por meio do Portal da Nota Fiscal Eletrônica (Nfe). A única informação solicitada é a digitação dos 44 dígitos presentes na DANFE (Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletrônica) que, geralmente, é enviado por e-mail para que o consumidor tenha acesso ao documento e possa conferir a sua autenticidade diretamente no portal da Nota Fiscal Eletrônica da Secretária Nacional da Fazenda (Sefaz).
O procedimento indicado aqui é para consulta na Secretária Nacional da Fazenda. Este tipo de consulta também pode ser realizado no site da Secretária Estadual da Fazenda, contudo, normalmente, a consulta nacional atende a todos os consumidores do país.

COMO CONSULTAR NFE

Acesse o site www.nfe.fazenda.gov.br/portal/consultaAutorizacaoUso.aspx, neste site deverá ser informado os 44 dígitos da chave de segurança para acesso a nota fiscal, tal informação deverá ter sido fornecido pelo emissor do documento. Após digitar a captcha e a chave de segurança o site lhe apresentará a nota fiscal completa, podendo ser impressa ou então salva em seu computador.

Para que a nota fiscal seja apresentada por esse serviço é fundamental que a chave de segurança esteja correta e que o código de segurança digitado esteja de acordo com o apresentado na imagem (captcha).
Este tipo de consulta é ideal para conferir a autenticidade de uma nota fiscal. Uma grande parte das lojas virtuais têm enviado a chave de segurança em vez do documento original, isso porque o serviço permite que o consumidor confira a sua autenticidade diretamente no portal da Nota Fiscal Eletrônico. Já que, infelizmente, muitos estabelecimentos emitem notas fiscais “frias” (falsa), então é sempre importante checar a autenticidade, caso tenha dúvidas sobre o documento.


0 comentários:
Postar um comentário