Bolsa Família terá Cartão ELO e poupança integrada da Caixa

Com isso os bancos esperam ampliar o número de cartões de débito com a bandeira elo e, consequentemente, estimular os estabelecimentos a aceitarem a bandeira ELO, que atualmente só passa nas máquinas da Cielo.

A Bandeiro ELO está chegando aos cartões de programas sociais, e já vem sendo utilizada nas emissões dos novos cartões do Programa Bolsa Família, cujos clientes aderiram a poupança integrada. A bandeira é fruto de uma parceria entre três grandes bancos: Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Bradesco. No primeiro semestre de 2016 o Governo Federal e a CEF anunciaram a criação da Poupança Fácil, um serviço que permitirá a todos os beneficiários do Bolsa Famílias abrirem uma caderneta de poupança simplificada no banco estatal para o recebimento dos benefícios.
  A ministra Tereza Campello anunciou mudanças no Bolsa Família (foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)

Segundo a Caixa Econômica Federal, a adesão a Conta Poupança + Cartão ELO é facultativa. Portanto, o beneficiário não é obrigado a trocar de cartão. Todavia, o cliente que abrir a conta poupança terá as seguintes vantagens:

  • Não precisará sacar todo o valor do benefício;
  • O valor do beneficio ficará em uma conta poupança, podendo “render” em vez de ficar parado;
  • É possível fazer compras em milhares de estabelecimentos em todo o país através da bandeira ELO usando a função débito;
  • A abertura da Poupança Fácil pode ser feita em qualquer casa lotérica ou correspondente Caixa Aqui;
  • Possibilidade de usar as agências da Caixa, Casas Lotéricas e Caixas Eletrônicos para fazer saque;


A bandeira ELO é aceita em pouco mais de 1 milhão de estabelecimentos. Ela é aceita nos estabelecimentos que possuem máquinas ou terminais da CIELO. A mudança do cartão do Bolsa Família para a bandeira ELO pode dar mais estímulo aos estabelecimentos para aceitarem o cartão e, assim, aplicar a rede credenciada da bandeira.

O banco estatal fez questão de ressaltar que a mudança não implica nenhum custo para o beneficiário do Bolsa Família, a Poupança Fácil é gratuita e não cobra tarifa de manutenção. O rendimento é depositado sempre na data de aniversário do depósito, tal como já ocorre com a tradicional poupança.

Para abrir a poupança basta que o beneficiário do Bolsa Família vá até uma Casa Lotérica ou Correspondente Caixa AQUI com o cartão atual da bolsa família (ou número do benefício), comprovante de endereço (qualquer conta de consumo emitida há, no máximo, 90 dias) e um documento de identificação oficial com foto (pode ser o RG, CNH ou a Carteira de Trabalho).


0 comentários:
Postar um comentário